Artigos

Missão e Propósito de vida

“Fostes vós que plasmastes as entranhas de meu corpo, vós me tecestes no seio de minha mãe.” (Salmo 138,13)

A vida tem um sentido muito mais profundo do que apenas sobreviver. Somos impelidos a viver uma vida com sentido e propósito. Em tudo é preciso ter bons motivos para agir. A motivação nasce no nosso interior e envolve nossa mente, nosso coração, nosso espírito e nosso corpo. À medida que uma pessoa vai encontrando sentido em todo bem que realiza vai ficando claro a sua missão de vida. Missão é um chamado e faz acender a chama interna. Propósito é uma causa que passa a ser defendido pela pessoa com seu testemunho de vida.

A missão e o propósito tornam uma pessoa mais íntegra e disposta a servir. No entanto, todo propósito precisa ser firme e envolver a pessoa. Quando um propósito não é consistente a pessoa desiste na “primeira pedra” no meio do caminho. Lembro-me da pessoa que disse para Jesus que o seguiria para onde quer que Ele fosse, entretanto Jesus respondeu que as raposas têm tocas e os pássaros têm ninhos, mas Ele não tinha onde reclinar a cabeça. No caminho da vida é provável que tivemos boas intenções, porém muitas não se transformaram em propósitos.

Todo propósito autêntico tem sua base na compreensão da nossa missão de vida, visto que fomos tecidos no seio materno e Deus definiu o nosso viver. Quanto mais conectados estamos com o projeto de Deus mais tudo passa a ser feito com motivação e, mesmo as dificuldades, ganham motivos de aprendizado e maturidade pessoal. Quando se tem o sentido de sua missão os problemas, as dores desta vida, as situações difíceis, enfim, toda “pedra” no meio do caminho não é capaz de destruir a força de vida que jorra do nosso ser.

No caminho da vida todos temos um legado, uma herança que deixamos. Ter esta clareza é essencial para compreender se nossas atitudes estão nos conduzindo a nossa missão e nossos propósitos de vida ou estão apenas nos distraindo. Que aquilo que é essencial jamais se desintegre e que a nossa resposta seja mais que boas intenções, mais sejam firmes proposições a permear nossa história de vida, dando sentido ao que somos na família, na profissão, na vocação e no chamado apostólico.

*Gregório Ventura, Master Coach / Eliane Ventura, Psicóloga.

Voz do Pastor

Dom José Alberto

Arcebispo de Montes Claros (MG)

 

ENQUETE

Estamos celebrando até 25 de novembro de 2018 o Ano Nacional?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

Facebook