Artigos

O poder da gratidão e da apreciação

“Porque há maior alegria em dar do que em receber” Atos 20,35

A palavra Gratidão vem do latim, que quer dizer graça, ou gratus, agradável. Facilmente associamos gratidão, com “obrigado”. Mas já no sentido dessas palavras, a gratidão esta além de dizer obrigado! Implica numa demonstração de alguém que é naturalmente grato. Grato a algo, ou a alguém. Grato pela vida, pelos amigos, pelo trabalho, até mesmo pelas dificuldades. Sim, até mesmo as dificuldades podem e deveriam ser motivo de agradecermos. Quantas vezes já não se sentiu melhor, mais maduro (a), após vivenciar momentos difíceis!?

O fato de conviver com as pessoas talvez nos faça pensar que o outro sabe o quanto sou grato e que eu o amo, mas isso nem sempre é verdadeiro. Falamos algumas semanas atrás sobre a importância do diálogo, e sabemos que a falta deste, ou a falha na nossa comunicação com o próximo, nos faz presumir que ele conhece nossos sentimentos mesmo se não expressarmos, e muitas vezes perdemos preciosos momentos de apreciar o que o outro representa para nós. Manifestar a gratidão e a apreciação liberta a quem dirige as palavras, como a quem as recebe. Estes gestos vão criando um ambiente positivo, e quem recebe tem ainda o incentivo para continuar sua atitude. Um funcionário que recebe um elogio verdadeiro do seu líder se sente valorizado e motivado a fazer um excelente trabalho. Um filho que recebe uma palavra de incentivo do pai vai se sentir apreciado. Um esposo que diz a esposa “eu te amo” a fará se sentir especial e amada. Um louvor gratuito que dirigimos a Deus nos faz reconhecer o grande amor e a presença Dele em tudo na nossa vida. Não que nos devemos mover pelos elogios e que isto determine nossas atitudes ou que devamos ter uma busca por elogios, mas como seres humanos e relacionais, temos a necessidade, e nos faz bem ser apreciados e reconhecidos. Apreciar o outro é uma atitude generosa!

Ao contrário, a ingratidão é uma marca que pode deixar feridas. Há pessoas que tem dificuldade em apreciar o outro, em reconhecer, em dar feedback positivo, enfim, pensam que não é preciso elogiar ou valorizar a atitude positiva. Tem pessoas que são gratas por conveniência, apenas por interesse num desejo secreto de receber maiores favores. Quantos casais já não se apreciam mais com palavras de amor, extensivo aos filhos. Há pessoas que não apreciam mais os presentes que recebem diariamente do Criador, vivem reclamando e esquecem de louvar a Deus. Esta atitude deixou Jesus admirado em certa ocasião. Havia curado dez leprosos de uma só vez, porém apenas um veio agradecer louvando a Deus e o mestre disse: “Não ficaram curados todos os dez? Onde estão os outros nove? Não se achou senão este estrangeiro que voltasse para agradecer a Deus?!.”

A vida é um presente! O tempo presente é um presente! E devemos aprender a aprecia los como tal. Já parou pra pensar quantas graças tem recebido diariamente!? Quantas pessoas estão ao seu lado e que talvez você nunca tenha parado para admira las e agradece las por ser quem são na sua vida!? E então, que tal começar hoje a exercitar o poder da gratidão??

*Gregório Ventura, Master Coach. Eliane Ventura, Psicóloga.

Voz do Pastor

Dom José Alberto

Arcebispo de Montes Claros (MG)

 

ENQUETE

Estamos celebrando até 25 de novembro de 2018 o Ano Nacional?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

Facebook