Quarto bispo de Montes Claros: Dom Antônio Almeida de Morais

4ºbispo D.Luiz Vitor Sartori

Dom Luis Vitor Sartori  Período (1952 à 1956)

Nomeado pelo Papa Pio XII, a 04 de março de 1952, Dom Luis, gaúcho do Clero de Porto Alegre tomou posse da Diocese como seu 4º Bispo, no dia 29 de junho de 1952, governando-a por 04 anos. Uma coincidência que gostava de lembrar é que fora crismado por Dom João Antônio Pimenta, quando este era auxiliar de Porto Alegre. Firmou perante o povo a imagem de uma Igreja identificada com os anseios de progresso da cidade.

Reorganizou a OVS e instalou o seminário Menor Nossa senhora Medianeira de Todas as Graças no prédio do Colégio Diocesano com 30 seminarista, trouxe os Padres Jesuítas para a Diocese. Deu grande apoio a Ação Católica através da JIC–JEC (JUVENTUDE INDEPENDENTE CATÓLICA / JUVENTUDE ESTUDANTIL CATÓLICA). Adquiriu o terreno e deixou prontos os alicerces do seminário, onde hoje funciona a UNIMONTES.

De seu empenho junto aos poderes públicos, Montes Claros viu-se iluminada pela CEMIG. Apoiou o processo de criação da Diocese de Januária. A 13 de janeiro de 1956, foi transferido para a Diocese de Santa Maria no Rio Grande do Sul.

Nascimento: 30/08/1904- em Caxias do Sul-RS
Ordenação Presbiteral: 09/01/1927 – em Porto Alegre-RS
Nomeação (Bispo Diocesano): 04/03/1952 – em Montes Claros – MG
Ordenação Episcopal: 01/06/1952 – em Porto Alegre-RS
Posse (Bispo Diocesano): 29/06/1952 – de Montes Claros
Transferência: 10/01/1956 – para  Santa Maria – RS
Falecimento: 10/04/1970 – Em Santa Maria – RS

 

Voz do Pastor

Dom José Alberto Moura, CSS

Arcebispo Emérito de Montes Claros (MG)

AGENDA

DomSegTerQuaQuiSexSab
 

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

 
 « ‹dez 2018› » 

 

ENQUETE

“A Comunidade que contempla o Rosto das Juventudes” é o tema para o Ano Nacional de qual ano?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

Facebook