Notícias

“A Igreja não é Igreja sem Maria”

O Tríduo em honra a Maria, Mãe da Igreja e padroeira da Arquidiocese de Montes Claros foi encerrado ontem, domingo, 21 de agosto, com missa presidida por Dom José Alberto Moura e concelebrada pelos padres: George Amarante e Valdomiro Soares (Frei Valdo) na Catedral Metropolitana Nossa Senhora Aparecida. Serviu o Presbitério o Diácono Milton Ney Souza que agora vai acompanhar o Serviço de Animação Vocacional da Arquidiocese.

“Encerrando a Semana da Família, celebramos nesta noite a Festa da Assunção de Maria, ela que é a titular padroeira de nossa Arquidiocese – Maria, Mãe da Igreja. E assim, vamos embebendo do manancial da graça de Deus da vinda de Jesus por Maria. Somos chamados a realizar o projeto de Deus como família de Deus. Mas é preciso que seja realmente de Deus no humano que somos nós. Formando famílias de acordo com o projeto divino”, iniciou a homilia o arcebispo metropolitano de Montes Claros.

Durante sua fala, Dom José levou à assembleia a meditarem sobre o porquê de Maria e porque do Filho dela, Jesus. “Maria não é Maria sem Jesus. A Igreja não é Igreja sem Maria. O porquê da Igreja é o mesmo do porque de Maria e do filho dela. Compreender o porquê da família segundo Cristo. A família humana deve ser constituída embasada na fé em Deus, sendo conjugação do amor humano no amor divino, sendo família bem gestada, preparada conduzida segundo e seguindo o projeto de Deus”, enfatizou o pastor da Igreja particular de Montes Claros.

E finalizou: “Vimos o massacre da família pela sociedade de consumo, principalmente pelo neoliberalismo, pela liberdade do dinheiro, do modismo de fazer família de qualquer jeito”. (…) “Lembro-me que em visita ao Papa João Paulo II – faço memória todos os dias pelo presente que me deu – Ele apresentou a nós bispos ali reunidos, orientações de que a família é como um canteiro. Depende muito do que se coloca no canteiro e do como se cultiva. Pode ser fonte do bem ou do mal. Se planta erradamente consequências danosas de família e membros infelizes. Se os pais não se amam de verdade, com amor humano, acoplado com o divino, os filhos sofrem consequências, traumas, sendo consumidores de drogas licitas e ilícitas, problemas recalques psicológicos, traumas ocorridos na infância, tudo isso pode ser consequência de uma família mal estruturada”.

Ao final da celebração, antes da benção do Memorial, Dom José explicou que a Imagem ali destacada indica Maria com seu manto abrangendo toda a igreja – povo e a família de Deus. Ela é mãe da Igreja quando declarou o Papa Beato Paulo VI quando finalizava o Concílio Vaticano II. “Mãe de todos os povos”.

Foi apresentado então, oficialmente, o memorial permanente dentro da Catedral dedicado a única Imagem da Bem-aventurada Virgem Maria, Mãe da Igreja e padroeira da Arquidiocese existente na sede. Hoje, 21 de agosto, Segunda-feira, celebraremos a Solenidade de São Pio X, Padroeiro Secundário da Arquidiocese de Montes Claros com Missa às 18h30 na Catedral.

São Pio X Padroeiro Secundário da Arquidiocese de Montes Claros
Oração: Bendito sejais Deus, Senhor do céu e da terra, que nos destes a graça do papado e um tão grande intercessor como São Pio X. Concedei-nos, Senhor, pela intercessão de tão insigne santo, a graça da paz para toda a Igreja de Cristo e para todos os seus membros e fiéis. Por Cristo e Maria, Amém.

Foto: Fanpage Catedral
____________________________________________________________________
***Viviane Carvalho – Assessoria de Imprensa Arquidiocese de Montes Claros (38 Vivo) 9905-1346 (38 claro) 8423-8384 ou pelo e-mail: [email protected]

Artigos de Dom João Justino

Arcebispo Metropolitano de Montes Claros (MG)

Luz para os Meus Passos

AGENDA

SuMoTuWeThFrSa
 

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

 
 « ‹out 2022› » 

REVISTA

 

ENQUETE

No ano em que realizaremos a IV AAP (Assembleia Arquidiocesana de Pastoral) a Diocese de Montes Claros comemora quantos anos de criação?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...