Artigos Notícias

Bendito o que vem em nome do Senhor!

Foto: Dom José Carlos, 2022. Ascom Diocese de Divinópolis-MG

O dia 14 de dezembro de 2022 marcou o início de uma nova página da história da Arquidiocese de Montes Claros. Sua Santidade, o Papa Francisco, nomeou o 4º Arcebispo Metropolitano desta Igreja Particular, dom José Carlos de Souza Campos, transferindo-o da Sede Episcopal de Divinópolis, sua diocese de origem e primeira diocese onde exerceu o ministério Episcopal. Nascido em Itaúna/MG de uma família simples e religiosa, é filho do Sr. José Pinheiro Campos e da Sra. Piedade Souza Campos. Será a terceira vez que teremos em nossa história, à frente do governo pastoral da Arquidiocese, um bispo de nome José. O primeiro foi dom José Alves Trindade (1956-1988) e o segundo, o arcebispo emérito, dom José Alberto Moura, CSS (2007-2018).

Para a Arquidiocese de Montes Claros, a nomeação de dom José Carlos, oportunamente após um ano de vacância, um dia após a Festa de Nossa Senhora de Guadalupe – devoção do novo arcebispo –, e no tempo do Advento, é um verdadeiro cuidado de Deus que quis visitar o seu povo e dar-lhes um pastor segundo o seu coração. Afinal, esta havia sido a oração de nosso povo nas mais diversas comunidades e paróquias: “que o Senhor […] voltando seu olhar para esta Arquidiocese de Montes Claros, envie um arcebispo para apascentá-la com sabedoria, na graça de Cristo e na força do Espírito Santo” (Formulário para oração dos fiéis no tempo de Vacância, 18/02/2022). Não se tem dúvidas de que a vinda desse novo pastor é uma resposta do Senhor às súplicas de seu Povo. Soma-se a isso, nesta nova fase que antecede a posse canônica e o início do Ministério Pastoral como bispo desta porção do Povo de Deus, a oração e a boa expectativa de que o seu ministério entre nós seja frutífero e cheio de Deus.

De fato, para o Arcebispo Eleito, em sua mensagem ao Povo da Arquidiocese de Montes Claros (14.12.2022), foi Deus quem pensou este pedaço do nosso caminho, e é por causa d’Ele e confiante n’Ele que iremos avançar nesta missão que Ele nos chama. É nítida sua alegria em dar uma resposta positiva ao mandado de Jesus: “Ide”; e o desejo de viver esta nova experiência com entusiasmo, abertura ao novo e de manter uma vocação e fé que sejam missionárias. Sua disposição em servir a esta Igreja com alegria denota uma grande sintonia ao Magistério do Papa Francisco, que pede pastores com cheiro das ovelhas. Seu desejo de estar inteiro nesta missão, por vezes desafiadora por se tratar de um lugar até então a ele desconhecido, certamente será cercada do auxílio de tantos, que nestas terras souberam e sabem lutar a cada dia com sorriso no rosto e com a certeza de que o Senhor vai cuidando de tudo, desde que mantenhamos os olhos fixos n’Ele [em Jesus], autor e consumador de nossa fé (cf. Hb 12,2).

Ao nosso Bom Deus, elevamos o nosso “Te Deum”, por sua solicitude com esta nossa Igreja de Montes Claros. Confiamos aos cuidados de Maria, Mãe da Igreja, o ministério de dom José Carlos de Souza Campos, pedindo que Ela o mantenha sempre debaixo do seu manto, como estão as diversas figuras assim retratadas em Sua imagem presente em nossa majestosa Catedral. Que São Pio X, padroeiro secundário, seja para nosso arcebispo eleito um modelo de pastor zeloso e de cuidado ao rebanho que lhe é confiado.

Seja bem-vindo dom José Carlos aos Montes Claros, sua nova casa, sua nova família, seu novo rebanho. Bendito sejas tu, que vem em nome do Senhor!

 

Equipe Arquidiocese em Missão
Arquidiocese de Montes Claros

Artigos de Dom João Justino

Arcebispo Metropolitano de Montes Claros (MG)

Luz para os Meus Passos

AGENDA

SuMoTuWeThFrSa

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

 
 « ‹jan 2023› » 

REVISTA

 

ENQUETE

No ano em que realizaremos a IV AAP (Assembleia Arquidiocesana de Pastoral) a Diocese de Montes Claros comemora quantos anos de criação?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...