Artigos Artigos de Dom João Justino Notícias

Conversão pastoral e missionariedade

O dinamismo de escuta dos membros das comunidades é marca fundamental da IV Assembleia Arquidiocesana de Pastoral. A Arquidiocese de Montes Claros vive um momento singular de escuta, discernimento e definição de caminhos para sua ação evangelizadora nos próximos quatro anos. Dados coletados indicam a beleza de uma Igreja amadurecida, com centenas de comunidades urbanas e rurais. São milhares de evangelizadores. Mesmo assim, permanece o desafio de mudanças significativas no modo de configurar nossa ação pastoral.

O apelo à “conversão pastoral” já estava presente na Conferência de Santo Domingo (1992). Ali se dizia: “A Nova Evangelização exige a conversão pastoral da Igreja. Tal conversão deve ser coerente com o Concílio. Ela diz respeito a tudo e a todos: na consciência e na práxis pessoal e comunitária, nas relações de igualdade e de autoridade; com estruturas e dinamismo que tornem a Igreja presente com cada vez mais clareza, enquanto sinal eficaz, sacramento de salvação universal” (SD 30). Em 2017, tornou-se um dos principais apelos da Conferência de Aparecida: “Esta firme decisão missionária deve impregnar todas as estruturas eclesiais e todos os planos pastorais de dioceses, paróquias, comunidades religiosas, movimentos e de qualquer instituição da Igreja. Nenhuma comunidade deve se isentar de entrar decididamente, com todas as forças, nos processos constantes de renovação missionária e de abandonar as ultrapassadas estruturas que já não favoreçam a transmissão da fé” (DAp 365).

A chave de compreensão da “conversão pastoral” é a missionariedade. Isso se torna cada vez mais claro, sobretudo, com as perspectivas abertas pelo Papa Francisco, na Exortação Apostólica Evangelii gaudium. O Papa, em tom encorajador, sonha “com uma opção missionária capaz de transformar tudo, para que os costumes, os estilos, os horários, a linguagem e toda estrutura eclesial se tornem um canal proporcionado mais à evangelização do mundo atual que à autopreservação. A reforma das estruturas, exigidas pela conversão pastoral, só se pode entender neste sentido: fazer que todas elas se tornem mais missionárias, que a pastoral ordinária, em todas as suas instâncias, seja mais comunicativa e aberta, que coloque os agentes de pastorais em atitude constante de ‘saída’ e, assim, favoreça a resposta positiva de todos aqueles a quem Jesus oferece a sua amizade” (EG 27).

Ao refletir sobre esses desafios e observar como as paróquias estão organizadas, urge propor três ações em vista da conversão missionária da paróquia: 1º) identificar pessoalmente cada agente de pastoral, escutá-los e com a colaboração deles descobrir novos colaboradores. A missão requer um contato personalizado com os principais agentes missionários; 2º) mapear, urgentemente, o território paroquial. Sem desprezar as novas formas de lidar com o território, é necessário recuperar a percepção do espaço paroquial em vista da própria missão, que requer o reconhecimento das diferentes situações humanas daquela porção de povo que é a Paróquia, tendo em vista a formação de muitas comunidades eclesiais missionárias; 3º) planejar a ação evangelizadora em sintonia com as diretrizes da Igreja local. A missão pede planejamento e a realização de assembleias paroquiais é um dispositivo pastoral de grande utilidade para que a liderança da paróquia avalie, reflita, decida e assuma a perspectiva missionária.

A evangelização, principal missão da Igreja, prioriza o anúncio de Jesus Cristo e mobiliza os membros da Igreja para a construção de uma sociedade justa, fraterna e solidária, caminho para o Reino definitivo. Todos com os olhos fixos em Jesus, os pés a trilhar as estradas da vida e as mãos livres para servir.

+ João Justino de Medeiros Silva
Arcebispo Metropolitano de Montes Claros

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar seu comentário

Artigos de Dom João Justino

Arcebispo Metropolitano de Montes Claros (MG)

Luz para os Meus Passos

AGENDA

REVISTA

 

ENQUETE

No ano em que realizaremos a IV AAP (Assembleia Arquidiocesana de Pastoral) a Diocese de Montes Claros comemora quantos anos de criação?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...