Notícias

Dia de Finados: orientações para celebrar

O gesto mais comum em celebrar o Dia dos Finados é a visita ao cemitério, a participação na Eucaristia e as devoções próprias de cada cultura, como acender velas, oferecer flores e enfeitar os túmulos dos falecidos. Em todos estes gestos enraizados no ser humano transparece a consciência que temos de nossa finitude e da necessidade absoluta de apego a Deus e da esperança na Ressureição. Para esse ano, há a realidade do COVID-19, que exige adaptações.

Em carta, sobre a celebração do Dia dos Finados, enviada aos párocos e administradores paróquias das paróquias de todas cidades que compõem a Arquidiocese de Montes Claros, o arcebispo dom João Justino, orienta ” onde há costume de celebrações de missas nos cemitérios é preciso, em razão da pandemia, de certificar qual a orientação da Secretaria Municipal de Saúde sobre a possibilidade de manter a celebração. Sendo possível, que se observem os novos protocolos de higiene em razão do novo coronavírus”. (Clique aqui e confira a Carta para o Dia de Finados).

Dom João também apresenta a sugestão da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), que sejam plantadas árvores nesse dia em que fazemos memória dos que se foram. Ele esclarece, “esse gesto, além de evitar as tradicionais aglomerações nos cemitérios, liga-se também à triste destruição ecológica decorrente das queimadas em algumas regiões do país”.  E para essa ação, o bispo indica alguns cuidados necessário, “Em primeiro lugar, importa considerar os sentimentos e as tradições locais, de modo que o plantio de árvores, embora recomendável até mesmo como substitutivo a costumes que impliquem aglomeração, seja apenas uma sugestão. Em segundo lugar, dentro da perspectiva ecológica, convém indicar que sejam plantadas árvores nativas de cada região e, se possível, árvores alimentícias. Além disso, é recomendável que se evitem sementes, fazendo o plantio a partir de mudas, com procedência garantida”.

Em Montes Claros haverá celebrações durante todo o dia nos três cemitérios da cidade. As paróquias e padres da cidade se organizaram e montaram uma escala de celebrações para atender a todos que forem visitar os túmulos dos entes queridos neste dia.

Cemitério Parque dos Montes:
Às 08:00 com Padre Michel
Às 10:00 com Padre Franco
Às 15:00 com Padre Franco
Às 17:00 com Padre Jair

Cemitério Jardim da Esperança:
Às 07:00 com a Paróquia Menino Jesus de Praga
Às 09:00 com a Paróquia São Judas
Às 11:00 com a Paróquia Nossa Senhora Aparecida e São José
Às 13:00 com a Paróquia Nossa Senhora do Carmo
Às 15:00 com a Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro e Todos os Santos
Às 16:30 com a Paróquia Catedral

Cemitério Bonfim:
Às 07:00 com a Paróquia Nossa Senhora de Fátima
Às 09:00 com a Paróquia São Pedro Apóstolo
Às 11:00 com a Paróquia São Norberto
Às 13:00 com a Paróquia Santa Rita de Cassia
Às 15:00 com a Paróquia Rosa Mística
Às 16:30 com a Paróquia Nossa Senhora da Consolação e Correia

______________________________________________
***Fabíola Lauton – Comunicação da Arquidiocese de Montes Claros
(38) 9 8423-8384 ou pelo e-mail: [email protected]

Artigos de Dom João Justino

Arcebispo Metropolitano de Montes Claros (MG)

Luz para os Meus Passos

AGENDA

SuMoTuWeThFrSa
 

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

 
 « ‹out 2021› » 

REVISTA

 

ENQUETE

No ano em que realizaremos a IV AAP (Assembleia Arquidiocesana de Pastoral) a Diocese de Montes Claros comemora quantos anos de criação?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...