Notícias

Dom José presidiu 3ª missa dos coroinhas/acólitos e ancilas

Foi realizada na manhã de domingo, 06 de agosto, na Catedral Nossa Senhora Aparecida, a 3ª edição da missa dos coroinhas, acólitos e ancilas da Arquidiocese de Montes Claros. A celebração foi presidida por Dom José Alberto Moura, arcebispo metropolitano. Concelebraram com ele Frei Valdomiro Soares e Padre George Amarante. O Diácono Milton Neres serviu como novo integrante do Serviço de Animação Vocacional arquidiocesano.

No início Dom José acolheu a todos (os que vieram de outras cidades e os de Montes Claros) e disse que naquela manhã, rezariam de modo especial à Deus pelos coroinhas, acólitos e ancilas da arquidiocese para que continuem sendo pessoas que na família, na Igreja e na sociedade realizem o bem a todos.

Mais de 600 crianças, adolescentes e jovens participaram da celebração exclusivamente dedicadas àqueles que servem ao altar e ajudam na liturgia exercendo dessa maneira o amor de Deus para depois levar aos outros.

“Nós somos muito importantes aos olhos de Deus, Ele quer o nosso bem”, disse dom José. “As vezes dizemos o sim, mas na prática esquecemos, e então fazemos muita coisa que não é do agrado de Deus, precisamos estar atentos o tempo todo”, concluiu quando levou toda a assembleia à pedir perdão.

Durante a homilia, desceu do presbitério, escolheu alguns coroinhas, acólitos e ancilas e explicou de modo detalhado o evangelho do dia que foi sobre a Transfiguração do Senhor. Destacou a importância de Pedro,  Tiago e João, os três apóstolos que foram testemunhas da transfiguração de Jesus e que receberam dele a missão de só revelarem isso depois da ressurreição.

E virando-se para as crianças alertou: “ O interessante é que você estão perto de Jesus na Eucaristia. É preciso saber como seguir Jesus. Só ressuscita quem tem o poder divino e vocês são coroinhas de Jesus que é o Filho de Deus”.  Dom José falou das diferentes formas de servir e das vocações. Pontuou também que é importante cada um aproveitar a missão de coroinha para melhor exercerem a fé em Jesus e assim, reforçarem a Fé nEle.

Ao final da celebração, padre George falou sobre a missão do Serviço de Animação Vocacional da Arquidiocese o que ele chamou de família. E apresentou o diácono Milton como novo membro. “Este é o terceiro ano que celebramos a memória de São Tarcísio com muito êxito. Que vocês coroinhas, acólitos e ancilas, sejam corajosos e comprometidos como São Tarcísio”, pediu o sacerdote.

Ao final foi servido um café para todos no salão João Paulo II da Catedral Nossa Senhora Aparecida.

CURIOSIDADES:

Ministério de Acólitos e Ancilas: Antigamente, o serviço do altar na Santa Missa era feito pelos “meninos do coro”: meninos adolescentes que participavam do coro das igrejas, daí o termo “coroinha”; eles recitavam as orações e acompanhavam o sacerdote nas funções litúrgicas (cantar, servir ao altar…). Quando a Missa era rezada em latim, por exemplo, o povo não respondia às orações, apenas o coroinha é que recitava as respostas. Hoje, porém, o termo ACÓLITO, ao invés de coroinha, vem sendo mais utilizado, por ser mais abrangente e exato.;

Acólitos e Ancilas: A palavra ACÓLITO vem do grego, através do latim acolythu, que significa acompanhador, ou seja, o que acompanha e ajuda o sacerdote na celebração da Santa Missa e nos ministérios do altar. ANCILA, do latim ancilla, significa escrava, serva. Foi como Maria se intitulou na anunciação, falando com o Arcanjo Gabriel: “Ecce ancilla domini” (Eis aqui a serva do Senhor) (Lc 1,38).

O ministério de acólito remonta aos primórdios da Igreja. Uma carta do Papa São Cornélio a Fábio de Antioquia, escrita no ano 251, testemunha que, em Roma, nessa altura, o Papa tinha reunidos à sua volta 46 presbíteros, 7 diáconos, 7 subdiáconos, 42 acólitos e 52 exorcistas, leitores e porteiros.

***Fotos: Você pode acompanhar todas pela fanpage da Arquidiocese que foi compartilhando das Paróquias que cobriram a celebração.

____________________________________________________________________
***Viviane Carvalho – Assessoria de Imprensa Arquidiocese de Montes Claros (38 Vivo) 9905-1346 (38 claro) 8423-8384 ou pelo e-mail: [email protected]

Artigos de Dom João Justino

Arcebispo Metropolitano de Montes Claros (MG)

Luz para os Meus Passos

AGENDA

SuMoTuWeThFrSa

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

 
 « ‹Maio 2022› » 

REVISTA

 

ENQUETE

No ano em que realizaremos a IV AAP (Assembleia Arquidiocesana de Pastoral) a Diocese de Montes Claros comemora quantos anos de criação?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...