Notícias

Dom Justino ordenou quatro novos diáconos, no último dia de agosto

No último dia do mês dedicado às vocações, na manhã de sábado – 31 de agosto – quatro seminaristas viveram uma emoção especial.  Deram mais um passo, uma resposta rumo à vocação sacerdotal. Foram ordenados diáconos transitórios, por dom João Justino de Medeiros Silva, os candidatos ao presbiterado: Antônio Ivanix Dias, Fredson Silva Araújo, Rodrigo da Silva e Wagner Lima de Oliveira.

Na celebração eucarística, centenas de pessoas acompanharam o rito de ordenação dos diáconos. “Encantada e emocionada em muitos momentos que acontecia o rito, dona Maria Matilde Serqueira, que veio da zona rural de Janaúba, disse que nunca havia participado de uma ordenação diaconal. “Ao ver esses jovens se prepararem para uma missão tão bonita e ao mesmo tempo, desafiadora em nossa Igreja, percebo como nossa Igreja é forte e nosso povo é fiel. Deus seja louvado pelas vocações! ”, exclamou ela. Concelebraram com o arcebispo metropolitano, dom José Alberto Moura e dezenas de padres de nossa Arquidiocese.

“A palavra de Deus é sempre o ponto de partida do nosso diálogo com o Senhor, da nossa resposta e da nossa missão”, disse dom Justino ao iniciar a homilia. A medida que ia apresentando os textos bíblicos que faziam parte da liturgia daquela manhã, dizia como é importante servir a mesa do Senhor, porém, é fundamental servir a mesa dos pobres.  Repetiu o arcebispo reforçando: “Para ter acesso à mesa da Eucaristia, não podemos deixar de lado os mais pobres”.

A falar sobre a missão do diácono, o arcebispo pontuou que todos somos discípulos. Mas, quando somos enviados, nos tornamos Apóstolos. Lembrou da responsabilidade no exercício do ministério e se referiu às fraquezas dizendo que as podas são necessárias para dar frutos. Fez referência a um pedido do Papa quando disse certa vez: “Precisamos de pastores capazes de descer nas noites escuras das pessoas, sem que se percam na escuridão”. Para isso, é preciso que estejam inteiros e não há outro modo de estar inteiro, se não confiar o coração à Deus. “A perdição está a um passo do nosso coração. Ela passa por nossas escolhas”, pontuou.  E então pediu que é preciso viver o testemunho, vigiar as atitudes para que sejam verdadeiramente discípulos do Senhor. E ao se virar para os leigos reforçou: Onde estivermos – é esse o lugar para vivermos a experiência da nossa fé.

A celebração aconteceu na matriz de São José Carpinteiro e Maria de Nazaré. A comunidade acolheu as caravanas e convidados dos diáconos com café antes da missa. Ao final foi servido um almoço nas dependências do centro pastoral da paróquia. Os registros fotográficos também os vídeos da ordenação, podem ser acompanhados na fanpage da paróquia, no facebook, que foram compartilhados no facebook da arquidiocese.

__________________________________________
***Viviane Carvalho – Jornalista / Assessora de Comunicação e Imprensa da Arquidiocese de Montes Claros – MG  Contato: (38) 9905-1346 (38) 9 8423-8384  e-mail: [email protected] 

 

Artigos de Dom João Justino

Arcebispo Metropolitano de Montes Claros (MG)

Luz para os Meus Passos

AGENDA

REVISTA

 

ENQUETE

No ano em que realizaremos a IV AAP (Assembleia Arquidiocesana de Pastoral) a Diocese de Montes Claros comemora quantos anos de criação?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...