Artigos Notícias

Maio, um mês para Maria

Maio é um mês que traz consigo traços marcantes de maternidade. Em seu segundo domingo, recorda-se a maternidade humana pelo dia das mães, e, em muitos dias, a maternidade divina é recordada pela devoção mariana. São muitas as festas marcantes em maio: 13 de maio – Nossa Senhora do Rosário de Fátima; 24 de maio – Nossa Senhora Auxiliadora; 31 de maio – Nossa Senhora da Visitação; e neste ano no Calendário Litúrgico, 29 de maio – Bem-aventurada Virgem Maria, Mãe da Igreja. Ou seja, durante todo o mês, os cristãos católicos encontram razões especiais parar orar àquela que assumiu, na maternidade do seu filho, a nossa maternidade. Maio, sendo um mês para Maria, é um tempo bonito em que os terços, as procissões e as coroações ocupam lugar especial em nossas comunidades, e dá a Maria o louvor merecido.

A Mãezinha do Céu, como as crianças carinhosamente a chamam, inspira-nos confiança e coloca-se como nossa advogada. Nos dias alegres ou carregados de dor, o povo não deixa de se refugiar sob a proteção da Mãe de Deus. Com seu testemunho, fidelidade e vida, Maria consolida o projeto de Deus. Seus traços marcantes de disponibilidade (cf. Lc 1,38); de servidora do Evangelho, modelo de Igreja peregrina e misericordiosa (cf. Lc 1,39); de escuta da Palavra (cf. Lc 2,19; 2,51); de pedagoga na fé (cf. Jo 2,3.5); de mulher da confiança (cf. Jo 19,27) e da oração (cf. At 1,13-14), mostram o quanto não é sem razão que o povo a escolheu e a reconhece como “sinal de esperança segura e de consolação” (LG, n. 68).

Desse modo, há boas motivações para nos alegrarmos e pedir a proteção de Nossa Senhora para cada um de nós. Somos convidados a olhar com discernimento e fé para essa figura de mulher, humilde escolhida por Deus. Ao longo desse mês, prepare um cantinho especial com a imagem de Nossa Senhora em casa ou no trabalho e, se possível, ornamente com flores, inclusive. Reserve um pouco do seu tempo para rezar o Terço. Caso não possa ir à igreja, que seja em casa. Mas não deixe de recordar daquela cujo “sim” mudou, de uma vez por todas, os rumos da humanidade.

Papa Francisco, na Audiência Geral de 03 de maio de 2023, fez um pedido: “No início deste mês de maio, recordo o pedido de Nossa Senhora de Fátima aos três pastorinhos: ‘Rezem o terço todos os dias pela paz no mundo e pelo fim da guerra’. Também eu vo-lo peço: rezai o terço pela paz”. Rezemos o terço pela paz. Em nossas intenções, não esqueçamos as realidades cruéis que nos cercam, especialmente o grande número de casos de violência sofridos pelas mulheres, pedindo que tenham mais dignidade, oportunidades no mercado de trabalho e o devido respeito por parte de toda sociedade, em especial por parte dos seus esposos e seus filhos.

Que Maria, Mãe da Igreja, em sua marcante imagem presente na Catedral Metropolitana de Montes Claros, recorde-nos que todos temos um lugar especial debaixo de seu manto. Lembre-nos que ali somos acolhidos sob a sua materna proteção. E indique-nos, pelo seu exemplo, a estarmos atentos e disponíveis ao seu amado Filho Jesus.

Padre Cleydson Rafael Nery Rodrigues
Equipe Arquidiocese em Missão
Arquidiocese de Montes Claros

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar seu comentário

Artigos de Dom João Justino

Arcebispo Metropolitano de Montes Claros (MG)

Luz para os Meus Passos

AGENDA

SuMoTuWeThFrSa
 

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

 
 « ‹jun 2023› » 

REVISTA

 

ENQUETE

No ano em que realizaremos a IV AAP (Assembleia Arquidiocesana de Pastoral) a Diocese de Montes Claros comemora quantos anos de criação?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...