Aniversário do Dia Notícias

Monsenhor Rochinha celebra 90 anos de vida

Monsenhor Antônio Gonçalves da Rocha completa nesta terça-feira, dia 06 de abril, 90 anos de vida e recebe homenagem virtual do Arcebispo de Montes Claros, Dom João Justino. O Monsenhor Rocha irá celebrar em uma das comunidades da Paróquia São João Batista de Montes Claros.

Confira a mensagem de Dom João ao Mons. Rochinha:

“Mons. Antônio Gonçalves Rocha, afetuosamente chamado por todos de Mons. Rochinha.

Toda a Arquidiocese de Montes Claros se rejubila com a celebração dos seus 90 anos de vida. Colocamos em nossas orações as melhores lembranças de sua vida sacerdotal dedicada ao Povo de Deus. E pedimos ao Senhor da Vida que o cumule de bênçãos de saúde, paz e alegrias. Impossibilitados de abraçá-lo pessoalmente, formamos nesse dia uma enorme ciranda na comunhão de orações, com cantos, sorrisos, aplausos e louvores pelos seus 90 anos. Parabéns!”

+ João Justino de Medeiros Silva

Confira entrevista com Monsenhor Rochinha:

Ascom: Como é celebrar 90 anos?
Mons. Rochinha: “É uma data rara. São poucos que chegam a essa altura. Eu me sinto muito agradecido a Deus por ter chegado a essa altura e com relativa saúde. Plenamente sadio não, porque como diz um ditado latino “a própria idade já é uma doença”, mas dentro das relatividades, graças a Deus me sinto muito bem e satisfeito por atingir essa meta”.

Ascom: Quais os motivos para agradecer?
Mons. Rochinha: “São tantas coisas agradáveis e boas que acontecem comigo que fico com dificuldade de destacar alguma. Tudo é motivo para agradecer a Deus, todas as coisas foram boas até aqui e além dos 90 anos vividos, creio que ainda tenho o dia de amanhã para viver”.

Ascom: Qual a marca que o Sr acredita deixar por onde passa?
Mons. Rochinha: “Graças a Deus fui e sou bem recebido e creio que bem quisto por onde andei… São João da Ponte, Porteirinha, Bocaiuva, aqui mesmo em Montes Claros. Acredito que não deixei inimizades, nem malquerenças. Creio que deixei boas lembranças de minha atuação, de minha presença. Agradeço muito as amizades que me sustentaram nessa caminhada, pois ninguém caminha sozinho. Somos todos companheiros de caminhada e muita gente me ajudou nessa caminhada”.

Monsenhor Rochinha é natural de Brejo do Amparo, município de Januária. Nascido em 6 de Abril de 1931, é o quinto dos sete filhos do casal Sr. João Gonçalves de França e Dona Laudelina Gonçalves da Rocha. Desde criança manifestava o desejo em ser padre e aos 14 anos de idade, saiu de casa para viver esse sonho.

Iniciou seus estudos primários nas Escolas Reunidas de Brejo do Amparo de 1939 a 1942. Em 1946, Dom Aristides de Araújo Porto, 2º Bispo de Montes Claros, o enviou para o Seminário Menor de Mariana onde concluiu em 1951 o  Curso de Humanidades. Entre 1952 a 1957 estudou Filosofia e Teologia em Diamantina.

Foi ordenado padre no dia 30 de dezembro de 1957 na Catedral Nossa Senhora Aparecida de Montes Claros, por Dom José Alves Trindade. Sendo o 1º sacerdote ordeno por Dom José, como Bispo de Montes Claros. Em 1996 foi nomeado pelo Papa João XXIII Cônego Pontifício da Basílica de São Pedro em Roma e em 11 de janeiro de 2001 o Papa João Paulo II o nomeou Capelão Pontifício de Sua Santidade “com o título de Monsenhor”. Como professor exerceu o magistério em várias instituições de ensino em Montes Claros, São João da Ponte e Porteirinha.

_______________________________________________
***Fabíola Lauton – Comunicação da Arquidiocese de Montes Claros
(38) 9 8423-8384 ou pelo e-mail: [email protected]

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar seu comentário

Artigos de Dom João Justino

Arcebispo Metropolitano de Montes Claros (MG)

Luz para os Meus Passos

AGENDA

SuMoTuWeThFrSa
 

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

 
 « ‹nov 2021› » 

REVISTA

 

ENQUETE

No ano em que realizaremos a IV AAP (Assembleia Arquidiocesana de Pastoral) a Diocese de Montes Claros comemora quantos anos de criação?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...