Notícias

Padres x Benção das Gargantas

Hoje os católicos celebram o dia de São Brás. É também o dia da tradicional celebração com a benção das gargantas. Todas as igrejas de nossa Arquidiocese terão as bênçãos, porém em horários já definidos na comunidade. Abaixo algumas Paróquias que nos enviaram os horários das celebrações. Agende-se e participe com sua família.

Paróquia Santos Reis (Bairro Santos Reis)
Missa 19h com benção da garganta com Pe. Wagner

Paróquia Nossa Senhora Aparecida e São José (Bairro José Carlos de Lima)
Missa 19h 30 com benção da garganta com Pe. Raimundo Donado

Paróquia Senhor do Bonfim (Bocaiuva)
Missa 19h com benção da garganta com Pe. Kennedy

Paróquia São Pedro Apóstolo (Bairro Morada do Parque)
Missa 19h com benção da garganta

Paróquia São Sebastião (Bairro Vila Guilhermina)
Missa 19h com benção da garganta com Pe. Marco Simões

Paróquia Nossa Senhora de Montes Claros e São José de Anchieta  (Bairro Maracanã)
Missa 19h30 com benção da garganta

Paróquia Nossa Senhora de Montes Claros e São José de Anchieta  (Bairro Maracanã)
Missa 19h30 com benção da garganta

Paróquia Nossa Senhora da Consolação  (Bairro Cintra)
Missa 19h com benção da garganta

Paróquia São Gonçalo em Francisco Sá
Missa 19h com benção da garganta

Paróquia Menino Jesus de Praga  (Bairro Alice Maia)
Missa 19h com benção da garganta

Paróquia Nossa Senhora de Fátima (Bairro Delfino)
Missa 19h30 com benção da garganta

HISTÓRIA DO SANTO: O santo de hoje nasceu na cidade de Sebaste, Armênia, no final do século III. São Brás, primeiramente, foi médico, mas entrou numa crise, não profissional, pois era bom médico e prestava um ótimo serviço à sociedade. Mas nenhuma profissão, por melhor que seja, consegue ocupar aquele lugar que é somente de Deus. Então, providencialmente, porque ele ia se abrindo e buscando a Deus, foi evangelizado. Não se sabe se já era batizado ou pediu a graça do Santo Batismo, mas a sua vida sofreu uma guinada. Esta mudança não foi somente no âmbito da religião, sua busca por Nosso Senhor Jesus Cristo estava ligada ao seu profissional e muitas pessoas começaram a ser evangelizadas através da busca de santidade daquele médico.

Numa outra etapa de sua vida, ele discerniu que precisava se retirar. Para ele, o retiro era permanecer no Monte Argeu, na penitência, na oração, na intercessão para que muitos encontrassem a verdadeira felicidade como ele a encontrou em Cristo e na Igreja. Mas, na verdade, o Senhor o estava preparando, porque, ao falecer o bispo de Sebaste, o povo, conhecendo a fama do santo eremita, foi buscá-lo para ser pastor. Ele, que vivia naquela constante renúncia, aceitou ser ordenado padre e depois bispo; não por gosto dele, mas por obediência.

Sucessor dos apóstolos e fiel à Igreja, era um homem corajoso, de oração e pastor das almas, pois cuidava dos fiéis na sua totalidade. Evangelizava com o seu testemunho. São Brás viveu num tempo em que a Igreja foi duramente perseguida pelo imperador do Oriente, Licínio, que era cunhado do imperador do Ocidente, Constantino. Por motivos políticos e por ódio, Licínio começou a perseguir os cristãos, porque sabia que Constantino era a favor do Cristianismo. O prefeito de Sebaste, dentro deste contexto e querendo agradar ao imperador, por saber da fama de santidade do bispo São Brás, enviou os soldados para o Monte Argeu, lugar que esse grande santo fez sua casa episcopal. Dali, ele governava a Igreja, embora não ficasse apenas naquele local.

São Brás foi preso e sofreu muitas chantagens para que renunciasse à fé. Mas por amor a Cristo e à Igreja, preferiu renunciar à própria vida. Em 316, foi degolado.Conta a história que, ao se dirigir para o martírio, uma mãe apresentou-lhe uma criança de colo que estava morrendo engasgada por causa de uma espinha de peixe na garganta. Ele parou, olhou para o céu, orou e Nosso Senhor curou aquela criança.Peçamos a intercessão do santo de hoje para que a nossa mente, a nossa garganta, o nosso coração, nossa vocação e a nossa profissão possam comunicar esse Deus, que é amor.
São Brás, rogai por nós!

***Viviane Carvalho – Assessoria de Imprensa Arquidiocese de Montes Claros  (38 Vivo) 9905-1346 (38 claro) 8423-8384 ou pelo e-mail: [email protected]

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar seu comentário

Artigos de Dom João Justino

Arcebispo Metropolitano de Montes Claros (MG)

Luz para os Meus Passos

AGENDA

SuMoTuWeThFrSa
 

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

 « ‹jul 2021› » 

REVISTA

 

ENQUETE

No ano em que realizaremos a IV AAP (Assembleia Arquidiocesana de Pastoral) a Diocese de Montes Claros comemora quantos anos de criação?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...